Smart City e seus novos processos

Smart City e seus novos processos

Iniciativas
No stand do Smart City Expo World Congress em Barcelona que Telefônica Vivo vai ocupar, será possível desfrutar de um percurso sobre a visão dual das smart cities através do prisma da prefeitura e do cidadão como partes ativas e beneficiários do desenvolvimento da cidade. Com o futuro em mente e sem perder de vista o passado, está claro que a evolução das cidades é imparável graças ao processo global de urbanização da sociedade e a revolução digital que está fazendo...Ler mais »
Microbots e microinternet das coisas: quando nossos órgãos nos enviam mensagens

Microbots e microinternet das coisas: quando nossos órgãos nos enviam mensagens

Futuro
Assim, os avanços em miniaturização em diversos campos, como por exemplo as tecnologias MEM (Micro Eletro Mecânico), estão permitindo ampliar o rango dos objetos que se conectam à internet a objetos de tamanho ínfimo. Esta possibilidade, cujo maior exemplo se encontra na tendência Smart Dust, cujo objetivo é que pequenas entidades de 1mm possam se conectar à Internet e ter certa capacidade de processamento, abre a porta a novos aplicativos que agora nem sequer somos capazes de prever. Passaríamos de...Ler mais »
Empresa 4.0: tendências da economia digital

Empresa 4.0: tendências da economia digital

Futuro
A ficção científica que há tempos era território exclusivo dos cineastas chegou ao mundo da empresa para transformá-lo profundamente. Realidade aumentada, realidade virtual, big data, IoT ou assistentes inteligentes são já, entre outras tendências tecnológicas, protagonistas da empresa 4.0. As mudanças são constantes, existe muita volatilidade, rompemos com as fronteiras dos mercados e a tecnologia passou de ser um ator secundário a estar nos holofotes de todo o ecossistema digital. Neste contexto, Deloitte apresentou recentemente o relatório “Tech Trends 2016. Innovating...Ler mais »
Mendix sabe como resolver a barreira do idioma

Mendix sabe como resolver a barreira do idioma

digital
Estou falando das máquinas, é claro. Ou ‘coisas’, como algumas pessoas menos sensíveis as chamam. A chamada Internet das Coisas (IoT) tem o potencial para todo tipo de genialidades se pudermos simplesmente botar as máquinas para falar umas com as outras. Se todos os sensores começarem a falar com os gestores automatizados, por exemplo, podemos mudar ambiente para os cultivos e prolongar a vida dos medicamentos. Então, conversas de máquina para máquina (M2M) podem aumentar a oferta de alimentos do...Ler mais »
A moto conectada mais solidária e tecnológica está dando a volta ao mundo

A moto conectada mais solidária e tecnológica está dando a volta ao mundo

digital
Hugo Scagnetti sofreu uma necrose avascular de cabeça do fêmur. Uma doença que provoca muita dor, limitação da mobilidade e manqueira. Diante deste problema há duas opções a serem consideradas: ver o lado mais negativo da doença, esperar que os outros resolvam o problema e deixar-se levar pela situação; ou ver o lado positivo, vivenciar a experiência como uma nova oportunidade e ajudar a resolver o problema procurando soluções. Esta última foi a atitude que Hugo decidiu tomar. Prometeu a...Ler mais »
A Internet das coisas que se movem e sua importância no transporte do futuro

A Internet das coisas que se movem e sua importância no transporte do futuro

Futuro
Se há uma coisa que as cidades inteligentes e os carros conectados autônomos prometem, graças a desenvolvimentos como o 5G, é o fim de congestionamentos e grandes aglomerações graças a uma gestão instantânea do tráfego urbano centralizado e baseado na análise do big data, formando um grande cérebro na cidade. Hoje em dia, já podemos saber, graças ao conhecimento que nosso smartphone, a que hora temos que sair para chegar a nosso destino (por exemplo, trabalho) na hora de costume....Ler mais »
Smart Cities: as cidades como plataforma de transformação digital

Smart Cities: as cidades como plataforma de transformação digital

Futuro
Cada vez está mais claro que nossa era está se transformando no século das cidades. Uma grande quantidade de pessoas está se mudando de zonas rurais para zonas urbanas, o que está causando um grande processo global de urbanização. Por outro lado, a revolução digital dos últimos anos transformou nosso planeta em um mundo hiperconectado. Esses dois fatores fazem com que as Smart Cities, adquiram mais importância do que nunca. Neste contexto, enquanto na Europa esta tendência pode significar o uso...Ler mais »
O novo de Eleven Paths no âmbito de IoT

O novo de Eleven Paths no âmbito de IoT

digital
Em um ambiente empresarial, cada vez encontramos mais dispositivos conectados. Telefones celulares, webcams, sistemas de vídeo vigilância e outros elementos através dos quais um ciberdelinquente pode penetrar nos níveis mais profundos de qualquer organização. O rápido crescimento da Internet das Coisas, está se expandindo por setores nos quais tradicionalmente a segurança constituía uma das maiores preocupações. No mundo empresarial, sem ir mais longe, a incorporação de um ecossistema ‘hiperconectado’ está expondo tanto aos trabalhadores quanto às organizações a perigos nunca vistos...Ler mais »
Wearables para a reabilitação de AVC e doenças cerebrovasculares

Wearables para a reabilitação de AVC e doenças cerebrovasculares

tecnologia
O AVC, é uma doença cerebrovascular que se produz pela diminuição ou obstrução do fluxo sanguíneo. O sangue não chega ao cérebro e as células nervosas não recebem o oxigênio necessário, o que provoca que deixem de funcionar. O AVC, é uma das principais causas de morte no Brasil, de acordo com um informe sobre Indicadores de Desenvolvimento Brasileiro. São registradas ao redor de 68 mil mortes por AVC anualmente, só no Brasil. Esse número aumenta para 16 milhões de pessoas,...Ler mais »
Eficiência energética: aquece o edifício, não o planeta

Eficiência energética: aquece o edifício, não o planeta

Futuro
Conjunto de medidas de melhoria: mudança de caldeira, substituição de janelas. Estas foram as concisas recomendações, para melhorar a eficiência energética do apartamento alugado do meu avô, avaliado com a letra G (a pior nota) no estudo técnico elaborado pelo arquiteto correspondente. Quando se trata de um pequeno imóvel, torná-lo mais eficiente não parece tão complexo. Umas novas janelas aqui, uma nova caldeira ali, junto a melhores hábitos de consumo e práticas em casa, podem ser os primeiros passos para...Ler mais »