Dez documentários que todo o apaixonado por tecnologia deveria ver

Por , 31 de Outubro de 2016 a las 19:00
Dez documentários que todo o apaixonado por tecnologia deveria ver
conhecimento

Dez documentários que todo o apaixonado por tecnologia deveria ver

Por , 31 de Outubro de 2016 a las 19:00

Você se interessa pela tecnologia? Não se cansa de aprender coisas novas sobre o assunto? Passamos aqui uma lista de dez documentários que você não pode perder.

Com frequência, nos acostumamos a admirar os avanços tecnológicos e as virtudes que os acompanham sem reparar nas histórias e no cenário que há por trás. Informar-se a respeito pode resultar às vezes uma atividade cansativa. No entanto, os documentários oferecem uma forma amena de conhecer as tendências tecnológicas com detalhe. Propomos aqui uma lista de dez filmes que agradará aos mais entusiastas.

Facebookistan (2015)

tecnodoc2

É “vox populi” que Facebook tem em seu poder os dados de todos os seus usuários e que essa informação é posteriormente vendida a terceiros. Este documentário dinamarquês explora o poder da rede social em todos os seus âmbitos com exemplos de pessoas que foram lesadas pela invasão da sua privacidade ou pela censura injustificada de conteúdos publicados. Um dos protagonistas do filme é o ciberativista austríaco Max Schrems, que naquela época denunciou Facebook às autoridades da União Europeia.

Page One: a year inside The New York Times (2011)

tecnodoc3

A imprensa se encontra em um momento crítico na sua história que ultrapassa o setor financeiro. O debate entre o conteúdo gratuito ou pago está acabando com as bases do negócio jornalístico tradicional há décadas. Page One é o resultado de um ano de acesso ilimitado à redação da que é provavelmente o jornal mais importante do mundo: The New York Times. Este documentário analisa desde a mudança no modelo de negócio que enfrentam todos os jornais impressos na sua adaptação às redes digitais até as novas formas que a tecnologia permite no tratamento da informação.

Deep Web (2015)

tecnodoc4

Embora o título faça referência ao lado escuro que se oculta na Internet, este documentário trata na sua maior parte sobre o julgamento contra o criador da “Silk Road”, o site de tráfico de drogas que foi fechada pelo FBI em 2013. A omissão de muita informação relativa à Deep Web e os bitcoins, a moeda digital, fez com que o documentário tenha sido criticado por utilizar um título “enganoso”. O filme está dirigido por Alex Winter, autor de Downloaded, que narra a história de Napster.

Citizenfour (2014)

tecnodoc5

Este documentário, ganhador do Oscar em 2014, narra a história dos vazamentos de Edward Snowden nos quais revelava informações confidenciais da NSA sobre a rede de vigilância mundial. Citizenfour abrange toda a sucessão de fatos que compreendem esta aventura: desde as reuniões com jornalistas do The Guardian em um hotel de Hong Kong até o momento em que Snowden decide revelar sua identidade. As publicações sobre as avançadas ferramentas de espionagem já formam parte da história do jornalismo moderno.

We steal the secrets: the story of WikiLeaks (2013)

tecnodoc6

A plataforma criada pelo ativista australiano Julian Assange alcançou a fama em 2010, quando publicou um vídeo no qual se via soldados norte-americanos disparando contra jornalistas da agência Reuters em Bagdá. Desde então, WikiLeaks não deixou de revelar informações confidenciais sobre os serviços de inteligência e governos de todo o mundo. Neste documentário você encontrará uma retrospectiva da história da polêmica página web e da vida do seu líder.

Atari: Game Over (2014)

tecnodoc7

No final dos anos 70, a produtora de videogames Atari dominava quase completamente o mercado dos videogames domésticos e era uma das empresas com maior crescimento dos Estados Unidos. No entanto, a partir do lançamento do título ET: The Extra-Terrestrial que ostenta o título de “pior videogame da história”, o império entrou em decadência da qual nunca se recuperou. Atari: GameOver é um documentário que narra a ascensão e posterior ruína da empresa considerada embrião da indústria atual dos videogames.

Nós somos uma legião: a história dos hackers ativistas (2012)

tecnodoc8

O coletivo Anonymous nasceu em 2008 na plataforma de imagens online 4chan e, na sua origem se tratava de um movimento por diversão. Com o tempo se converteu em um grupo de ciberativistas que realizam ações em defesa da liberdade de expressão e informação. No Brasil colaboraram no cultivo das manifestações da “Revolta dos 20 centavos”, mas movimentos como o Projeto Chanology contra a Igreja da Cientogia já lhes havia concedido fama mundial. O documentário estuda o interior do coletivo mostrando suas origens, as campanhas mais ecoadas e o pensamento daqueles que praticam a desobediência civil na era digital.

Catfish (2010)

tecnodoc9

O documentário conta a história de Nev, um fotógrafo nova-iorquino de 24 anos que um dia é contatado por Abby, uma garota de 8 anos de Michigan que lhe pede permissão para pintar uma de suas fotografias. A partir deste evento, Nev começa uma amizade com a família da garota, que mais tarde desemboca em um romance a distância com Megan, a irmã mais velha. No entanto, os amigos de Nev suspeitam de Megan e de sua família, de modo que decidem visitá-las de surpresa em busca da verdade. O sucesso do documentário foi tão grande que a MTV criou o programa Catfish: mentiras na Red a partir dele.

Google e o cérebro do mundo (2013)

 

Em um ensaio de H.G. Wells de 1937, o escritor britânico descrevia um futuro no qual estaríamos dominados por um “Cérebro Mundial”. Ben Lewis, diretor da obra, se inspira nesta ideia para refletir sobre o conhecimento humano, materializado nos livros e na vontade do homem por compilá-los em sua totalidade. O documentário fala sobre o projeto de Google de digitalizar todos os livros do mundo para construir uma biblioteca para a humanidade e daqueles que tentam pará-lo, alegando que por trás deste plano poderia haver outras intenções.

TPB AFK: The Pirate Bay away from keyboard (2013)

tecnodoc11

Este documentário narra a história dos fundadores de The Pirate Bay, a famosa página web sueca de downloads de arquivos torrent com conteúdo multimídia. Nele se fala de tudo que aconteceu desde 2008, quando os criadores da página web foram procurados por distintos estúdios de cinema que reclamaram uma compensação econômica de 13 milhões de dólares, além de penas de prisão para os acusados, devido a delitos de violação de direitos de cópia. Peter Sunde, um dos seus criadores, protagoniza o filme oferecendo uma visão mais comprometida com a causa.

Texto Anterior

Como fazer uma cópia de segurança com Genie Timeline

Como fazer uma cópia de segurança com Genie Timeline
Próximo Texto

A união de Tesla e Solarcity traz grandes avanços invisíveis para as casas

A união de Tesla e Solarcity traz grandes avanços invisíveis para as casas

Recomendados