Salva-vidas ao resgate em pranchas de surfe motorizadas

Por , 13 de Junho de 2016 a las 15:00
Salva-vidas ao resgate em pranchas de surfe motorizadas
Futuro

Salva-vidas ao resgate em pranchas de surfe motorizadas

Por , 13 de Junho de 2016 a las 15:00

A firma espanhola Jetson cria umas pranchas de surfe com motor para agilizar o resgate nas costas da Espanha

Cada vez são mais os dispositivos que integram tecnologia para melhorar seu uso e poder fazer muitas coisas que, inicialmente, não se havia pensado. Quando este tipo de gadgets saem no mercado, costumam ter muita aceitação. Ainda que nem sempre vemos sua utilidade, no instante em que começamos a usá-los e vemos as facilidades que nos oferecem no nosso dia-a-dia, tornam-se imprescindíveis.

Mas hoje vamos ir um pouco mais além e falar de dispositivos que não só nos facilitam a vida, mas que ajudam a salvar vidas. Na Europa estão com o verão às portas, o calor começa a apertar e as férias anunciam uma temporada em alguma parte da costa. Mas o ansiado período estival tem também uma cara trágica. Mais de 400 pessoas morrem afogadas cada ano. Principalmente crianças entre 5 e 9 anos; jovens entre os 20 e 24 e pessoas mais velhas entre 50 e 60 anos, de acordo com o último relatório do Instituto Nacional de Estadística. E tudo isso a pesar da existência de serviços de segurança, que incluem salva-vidas qualificados com títulos de primeiros socorros e salvamento aquático.

De acordo com informações publicadas pela Fundación Mapfre como consequência do estudo, estas mortes poderiam ser evitada se os salva-vidas chegassem alguns segundos antes até a vítima. Mas claro, somos humanos e nosso corpo nem sempre consegue responder como gostaríamos e as pranchas de surfe que empregam os salva-vidas nestes casos críticos não possuem nenhuma tecnologia capaz de aumentar a velocidade.

Uma ideia de esperança

Aqui surge a solução: uma empresa espanhola, Jetson, fundada em 2012 por Iñigo Barrón e por Ramón Silva especializada na fabricação de pranchas, conseguiu criar modelos com motor incorporado, pensado especificamente para o salvamento aquático no mar. Por trás deste projeto estão muitos meses de pesquisa e um grupo de engenheiros especializados nas áreas de saúde e tecnologia, sem contar com dois profissionais deste mundo, campeões europeus de salvamento: Itziar Abascal e Iván Cazorla.

A invenção

As Jetson de salvamento incluem dois modelos: Rescue, para situações extremas e atuações rápidas, e Patrol, uma prancha um pouco mais larga e pesada, perfeita para patrulhar as águas de pé e remando, ou remando de joelhos.

As pranchas são leves, com boa flutuabilidade, e contam com uma ajuda para que nos momentos mais críticos possa ser ativada uma turbina situada na parte traseira que se alimenta graças a uma bateria de íon-lítio que aguenta duas horas de impulso a baixa velocidade.

Esta potência extra pode ser significativa nos casos de afogamento, onde o tempo corre sempre em contra do salva-vidas. Por isso, este projeto merece ser visto e conhecido no mundo todo, pois poderia não só salvar muitas vidas dos veranistas nas costas espanholas, com também em outras praias do mundo.

Texto Anterior

Os prometedores valores das energias renováveis em 2015

Os prometedores valores das energias renováveis em 2015
Próximo Texto

A moto conectada mais solidária e tecnológica está dando a volta ao mundo

A moto conectada mais solidária e tecnológica está dando a volta ao mundo

Recomendados