A tecnologia disfarçada de retrô

Por , 5 de Maio de 2016 a las 19:00
A tecnologia disfarçada de retrô
tecnologia

A tecnologia disfarçada de retrô

Por , 5 de Maio de 2016 a las 19:00

A vitória dos aparelhos modernos com uma aparência vintage: a retro tecnologia através de aplicativos e modelos

Pertenço à geração Y, sou millennial e tenho uma tendência um pouco “estranha” para minha idade: me grudo nas vitrines das lojas de móveis antigos; adoro as câmaras do tempo de meus avós; sou apaixonada por máquinas de escrever, onde um erro significa utilizar uma nova folha; perco a cabeça com os rádios à pilha…. Mas acredito que não sou a única: cada vez somos mais os que queremos mudar nosso smartphone e personalizá-lo com capas e aplicativos que o transformem em antigas fitas ou reprodutores de cassetes. O boom da tecnologia chegou a todas partes, mas talvez seja mais divertido se a disfarçamos de antiguidades.

vintagetecnologia2

Por causa deste movimento, muitas empresas decidiram satisfazer os desejos daquelas pessoas “vintage” e dedicar-se à produção de retrotecnologia. E o que estão fazendo é, simplesmente, dar um ar retrô às últimas tecnologias.

Modelos desta nova moda

Um iPhone ou um cassete? Para muitos, Apple é sinônimo de modernidade, mas também tem uma cara retrô. Graças a uma capa de borracha, podemos transformar o telefone em uma velha fita cassete, dessas de 1963, das que tínhamos que rebobinar com uma caneta bic. Se trata de um disfarce que custa pouquinho e que transforma o smartphone nas legendárias TDK ou Basf. Aqui a coisa não fica por aqui.

Também temos aplicativos que permitem dar ao telefone uma aparência interna retrô. O aplicativo se chama That’smyJam e transforma a tela em um antigo reprodutor de cassete. As teclas se transformam em velhos botões e vemos como uma fita magnética virtual se move diante de nossos olhos. Outro aplicativo é Calcopac, uma dessas antigas calculadoras Casio que todos usamos para dar nossos primeiros passos em matemática.

A criatividade não fica aqui, nosso smartphone, além das inumeráveis coisas que faz, também serve para ligar. Isto é possível graças ao iDial, um aplicativo que nos permite marcar os números como antigamente, deslizando o dedo para discar com melancolia. Outro elemento, que está triunfando entre os mais famosos, como Lenny Kravitz, é o ponto eletrônico que se transforma em um telefone colorido.

Muitos dos fãs de Mad Men caíram no chamado vintage chic, que opta por decorar as casas no estilo dos anos cinquenta. Conquistar isto não se consegue só com móveis, mas temos que dar um passo a mais para chegar a uma televisor com aparência clássica de um equipamento retrô, como a marca Predicta. Quanto ao som, até as grandes marcas começam a olhar os antigos designs como, por exemplo, Sony com os modelos SRF-18 e XDR-S16DBP. As câmaras cheias de botões, menus e opções deixaram de chamar a atenção, agora o que está na moda é o simples, básico e resistente. Por isto, as marcas de câmaras de fotos tomaram a aparência dos protótipos antigos, um exemplo é Olympus com sua nova gama OM-D EM-5, se bem outra das mais cobiçadas é a Leica X1. Vocês se lembram da Polaroid quando estava quase fechando? Pois esta empresa continua lutando para sobreviver com a acessível 300. Onde você pode adquirir estes produtos? A maioria na Internet, nos sites oficiais das marcas ou nos blogs relacionados com estes produtos tecnológicos.

Preparado para voltar aos anos 50?

Texto Anterior

Por que Arduino é útil e o que é possível criar com ele?

Por que Arduino é útil e o que é possível criar com ele?
Próximo Texto

Wikidones, o projeto para visibilizar a mulher na wikipedia

Wikidones, o projeto para visibilizar a mulher na wikipedia

Recomendados