Como pomodorizar seu caminho para a produtividade

Por , 3 de Março de 2016 a las 11:00
Como pomodorizar seu caminho para a produtividade
conhecimento

Como pomodorizar seu caminho para a produtividade

Por , 3 de Março de 2016 a las 11:00

Maximizar o tempo é uma luta constante. O palestrante motivacional e empresário Chris Winfield sabe disso de primeira mão, pois ele lutou anos para fazer um bom uso do seu tempo. Após inúmeras pesquisas, tentativa e erro, e bater um pouco a cabeça contra a parede, Chris descobriu que a chave para viver sua vida mais produtiva tem 25 minutos de duração.

Desesperado por uma forma de melhorar sua produtividade, Chris acabou descobrindo e se estabeleceu na técnica Pomodoro. Inventado por Frances Cirillo na década de 1980, a técnica Pomodoro maximiza tempo e eficiência, bloqueando 25 minutos de foco ininterrupto. A partir daí, Chris reduziu sua semana de trabalho pela metade, transformou sua carreira e, o mais importante, equilibrou sua vida.

Superando adversidades

howtopomodoro2

Chris admite ser um ex-viciado em trabalho que regularmente dedicava 60 a 80 horas semanais ao trabalho. Apesar das horas excessivas que ele dedicou a cofundar uma de suas empresas, uma agência de marketing, as coisas não saíram exatamente como planejado. Muitos dos piores medos de Chris tornaram-se realidade como empreendedor, e em suas próprias palavras “a empresa implodiu completamente”.

Mas a história não termina aí; na verdade, ela apenas começa. “Fracassar em uma coisa me levou a olhar para isso como uma bênção final, porque percebi que estava completamente infeliz e ineficaz”, explica Chris.

Chris agora cita este fracasso como uma das melhores coisas que já aconteceram com ele, porque o motivou a fazer mudanças transformadoras na forma como ele se relaciona não apenas com o trabalho, mas também com toda a sua vida.

“Olhando para trás, era tão ineficiente”, admite. “Estava gastando 80 horas em algo, mas não fazendo muita coisa, porque realmente não entendia como trabalhar”.

Um pacto Pomodoro

howtopomodoro3

Chris pesquisou todo tipo de formas de trabalhar mais produtivamente antes de finalmente tropeçar com a técnica Pomodoro. A técnica Pomodoro é a prática de escolher uma tarefa e fazer o pequeno compromisso de gastar 25 minutos completamente focados nessa iniciativa.

O nome Pomodoro é derivado do timer de cozinha em forma de tomate que Francesco Cirillo, o fundador do movimento, usou enquanto aperfeiçoava a técnica.

Chris começou devagar, decidindo realizar um Pomodoro por dia. Ele rapidamente descobriu que juntando uma estrutura cronometrada em torno de seu processo o obrigava a se concentrar de uma forma que não era anteriormente capaz.

Chris começou gradualmente aumentando suas sessões Pomodoro, buscando otimizar sua produtividade e, consequentemente, ajudando-o a encontrar mais equilíbrio em sua vida. Ele agora tem um firme compromisso de 40 Pomodoros por semana, o que equivale a 17 horas. Ele afirma que consegue fazer mais agora, em 17 horas, do que ele fazia quando tinha mais de 60 horas de trabalho semanal.

howtopomodoro5

 

“Quando sua energia está focada em apenas uma coisa, então você se torna mais poderoso”.

 

– Chris Winfield

Chris usa um quadro de Trello para dividir grandes projetos em pequenas tarefas, atribuindo a cada uma um cartão individual. Então, quando está pronto para “Pomodorizar” uma tarefa, ele move o cartão para a lista “Em execução”, inicia o timer, e entra no modo concentração.

Movimento combata sua própria resistência

Eliminar todas as distrações e dedicar tempo a uma única atividade não é fácil, e é preciso prática. As pessoas gastam uma quantidade excessiva de tempo concentradas em por que não querem fazer alguma coisa, ou se preocupando que o produto final não será de um certo calibre. Chris percebeu que a única maneira de superar isso era desistir da finesse e simplesmente começar.

“Desista do perfeccionismo. Basta fazê-lo de qualquer maneira. Uma vez que você realmente começar a fazer alguma coisa, você vai acabar terminando ela. E você normalmente vai fazer um bom trabalho”, afirma. Às vezes, a parte mais difícil é apenas começar, mas ele salienta que simplesmente fazer algo, qualquer coisa, mesmo que seja apenas palavras aleatórias, é crucial para seu momentum.

Um livro que Chris cita como influente em sua filosofia é “A guerra de Arte” de Steven Pressfield. Discute a ideia de que tendemos a nos convencer a não fazer algo, no entanto, temos o poder de combater essa resistência dentro de nós mesmos. Para Chris, ele luta contra sua própria resistência mantendo-se disciplinado.

A decisão da disciplina

Uma das maiores perguntas que surge ao aderir a um processo altamente específico é como se manter disciplinado o suficiente para iniciar o processo Pomodoro. O conselho de Chris é simples: Comece por usar fio dental.

Não, é sério. Chris é o primeiro a dizer que ele não chegou, armas em punho, eliminando 40 Pomodoros por semana no início da sua jornada de produtividade. Começou com uma decisão simples para melhorar sua vida. Para ele, começou com a decisão de usar o fio dental regularmente.

“Cronometrei: levei 53 segundos para passar fio dental nos dentes. E eu disse a mim mesmo: ‘Se eu não posso dispensar 53 segundos para fazer algo, então que esperança há de que eu possa realizar coisas maiores’”?

Chris percebeu que era tudo questão de flexibilizar seus hábitos, e construir algo. Agora, ele se gaba de 40 sessões de Pomodoro por semana, faz exercício cinco vezes por semana, e passa bastante tempo com sua esposa e filha. Ah, e ele usa fio dental regularmente.

Obrigado especial ao Chris Winfield por compartilhar suas dicas e conselhos. Leia mais sobre sua jornada para trabalhar menos e conseguir mais aqui.

Texto Anterior

Nuka, a robótica a serviço da saúde

Nuka, a robótica a serviço da saúde
Próximo Texto

O novo Vale do Silício poderia estar no Vietnã

O novo Vale do Silício poderia estar no Vietnã

Recomendados