Verifique se a sua senha é segura

Por , 25 de Junho de 2015 a las 06:19
Verifique se a sua senha é segura
digital

Verifique se a sua senha é segura

Por , 25 de Junho de 2015 a las 06:19

Para ser forte, uma senha deve ter um mínimo de oito caracteres, combinando números com sinais de pontuação, símbolos, letras minúsculas e maiúsculas

Ter uma senha segura é como ter um trinco com fechamento múltiplo onde cada tranca corresponde a cada um dos caracteres que formam a combinação. Se o trinco é fraco ou fácil de decifrar, corre-se o risco de expor desnecessariamente todos os dados pessoais. Então, chegamos a uma questão importante: você considera sua senha suficientemente segura para preservar sua privacidade? Caso tenha dúvida, não se preocupe porque o site howsecureismypassword.net pode ajudar a verificar o grau de complexidade da senha, prevendo o tempo estimado para ser decifrada.

Trata-se de uma excelente ferramenta online para conferir a força das senhas e trocá-las por outras mais seguras.

Infelizmente, isso não é algo sem importância. É muito comum encontrar usuários que utilizam combinações fáceis de lembrar, como data de nascimento, número de RG ou até mesmo o número de telefone. Outros optam por sequências básicas do tipo 12345, 11111, abcdefg ou colocam diretamente a palavra senha. Essa é uma prática ruim e que entrega de bandeja toda a privacidade, especialmente se, além disso, o usuário utiliza a mesma senha para todas as suas contas, por dificuldade de memorizar dezenas de combinações diferentes.

Ainda que não exista a senha perfeita, é importante que se elabore uma fórmula personalizada que ajude a criar facilmente diferentes senhas para as contas de usuário na internet. Só é necessário seguir certas regras básicas e logo comprovar o grau de segurança com o site mencionado anteriormente. Essa ferramenta online analisa o tempo estimado e o número de combinações necessárias para que um hacker consiga decifrar a combinação, com base no número de caracteres e na variedade de símbolos e sinais de pontuação.

Independentemente da fórmula utilizada para personalizar a senha, é curioso como, à medida que o número de caracteres fica acima de 10, o número de possíveis combinações dispara, aumentando a força da senha. Em qualquer situação, os especialistas em cibersegurança recomendam utilizar no mínimo oito caracteres, sempre que possível, além de usar números combinados com sinais de pontuação, símbolos e letras maiúsculas e minúsculas.

password_01

Como comentamos anteriormente, é importante que todas as senhas sejam diferentes para evitar que, caso ela seja hackeada, todos os dados pessoais armazenados nas diferentes contas do usuário fiquem em risco. Uma regra mnemônica bastante útil consiste em incluir algum caractere que identifique a senha com o nome do serviço, ou seja, utilizar, por exemplo, algum caractere de “gmail” para completar a fórmula da senha do seu e-mail com o resto de sua fórmula personalizada.password_002

Outro recurso bastante útil é adotar a escrita leet, chamada também de 1337, que consiste em substituir certos caracteres de uma palavra chave por números para que sejam lidos de forma similar, como por exemplo: M3N54J3, IN73LI63NCI4 ou INCR3I8L35. Combinada de forma inteligente em uma palavra suficientemente longa e fácil de ser lembrada pelo usuário, pode ser mais útil para elaborar senhas personalizadas. No exemplo da imagem, foi utilizada a palavra INTELIGENCIA na escrita leet: IN73LI63NCI4. Segundo levantamento feito na web, para decifrar a senha seriam necessários 37 anos.

No entanto, se você é alguém que tem dificuldade para lembrar suas senhas, sempre é possível usar um gerenciador. Há serviços muito interessantes como Sitcky Password, KeePass, LastPass, entre outros. Com estes aplicativos, basta lembrar apenas uma senha, já que as demais são criadas e armazenadas pelo administrador para que não seja preciso memorizar dezenas de longas senhas cheias de todos os tipos de caracteres.

Imagem | Pixabay

Texto Anterior

O cérebro artificial que aprende melhor que os humanos

O cérebro artificial que aprende melhor que os humanos
Próximo Texto

Suspender, hibernar ou desligar o notebook. Qual é a melhor opção?

Suspender, hibernar ou desligar o notebook. Qual é a melhor opção?

Recomendados