6 maneiras de melhorar a sua conexão de WiFi

Por , 1 de Junho de 2015 a las 08:00
6 maneiras de melhorar a sua conexão de WiFi
conhecimento

6 maneiras de melhorar a sua conexão de WiFi

Por , 1 de Junho de 2015 a las 08:00

Embora muitas vezes pareça impossível, existem maneiras de melhorar a conexão WiFi, seja com soluções caseiras ou com investimento em alguma infraestrutura

Tags:

É muito ruim levar o notebook para outro cômodo da casa e, de repente, notar que “o WiFi não pega bem”. E, muitas vezes, é muito simples solucionar este problema. Basta posicionar melhor o roteador ou fazer alguns ajustes nada complicados. Para quem alguma vez se desesperou com o alcance deficiente da rede sem fio ou para aqueles propensos a entrar em crise quando se defrontam com um problema desse tipo, oferecemos a seguir uma série de conselhos para melhorar a conexão de WiFi.

Posicionar melhor o roteador

Às vezes o roteador não está na posição mais adequada para transmitir o sinal. Um cômodo localizado no extremo da casa, ou a parte inferior de uma estante não são locais mais apropriados. O dispositivo deve estar em um local central para que possa oferecer uma conexão fluida para todos os espaços necessários. Caso seja preciso, é possível comprar um cabo Ethernet que permita situá-lo em um local melhor.

Colocar um segundo roteador

Outra opção para melhorar a conexão WiFi é estabelecer um segundo roteador como outro ponto de acesso. Na prática ele atuará como um repetidor de sinal. Para isso, é necessário conectar os dois pontos de LAN dos dispositivos. Os aparelhos mais novos, inclusive, já vêm preparados para servir como pontos de acesso. A configuração é tão simples como clicar em uma das opções mostradas no menu. Os modelos mais antigos exigirão um pouco mais de trabalho. O endereço de IP deve variar ligeiramente de um roteador para outro. Assegure-se que o SSID e a segurança sejam iguais em ambos. Por último, o protocolo de rede DHCP deve ser desconectado no segundo dispositivo.

WiFi-620x465

Investir em infraestrutura

Muitos modelos de roteadores novos vêm com antenas integradas, mas ainda há modelos com antena externa. Obviamente é possível trocar a antena por outra de maior alcance, o que propiciaria uma melhoria significativa. Também pode-se adquirir um repetidor (costuma funcionar melhor do que aproveitar um segundo roteador), embora esses dispositivos nem sempre sejam fáceis de configurar para adaptar-se à rede. Por último, em relação aos investimentos, sempre existe a possibilidade de comprar um novo roteador com mais potência e maior alcance.

Uma solução caseira

Se você não quer gastar dinheiro, existem formas caseiras de melhorar a conexão WiFi. Alguém já tentou criar uma antena de televisão com papel alumínio? Basicamente é a mesma coisa. Esse material, assim como outros metais, amplia o sinal. É possível colocá-lo atrás da antena do roteador como se fosse uma tela (orientada de acordo com as necessidades), criando um sistema similar ao das antenas parabólicas. Há quem tenha comprovado, inclusive, a eficácia de latas de refrigerante para esse fim.

Mudar o canal do WiFi

Os roteadores trabalham geralmente nos canais 1, 6 ou 11. Se o seu estiver em um canal saturado, o rendimento melhorará quando for mudado para outro canal. Essa informação pode ser obtida com a ferramenta gratuita inSSIDer, que está repleta de dados, mas deve-se fixar no parâmetro ‘channel’. Posteriormente deve-se entrar na configuração do roteador para mudar o canal.

Atualizar o firmware

Os roteadores também são dispositivos baseados em software, mas nem sempre se presta a atenção devida ao software deles como se faz com smartphones ou computadores. Os aparelhos destinados a empresas costumam avisar sobre as atualizações do firmware, mas os utilizados em casa nem sempre o fazem (sobretudo os antigos). As atualizações podem ser procuradas no site do fabricante, onde é possível fazer seu download e depois instalá-las a partir da interface do roteador.

Mas não apenas os roteadores podem melhorar de desempenho se tiverem seu firmware atualizado. O mesmo vale para adaptadores de rede ou antenas integradas nos dispositivos. Na configuração das redes, deve-se verificar se a última atualização do fabricante está instalada.

Texto Anterior

É aconselhável desconectar o carregador de bateria do notebook?

É aconselhável desconectar o carregador de bateria do notebook?
Próximo Texto

A nova tecnologia de reconhecimento de íris poderá identificar você a 12 metros de distância

A nova tecnologia de reconhecimento de íris poderá identificar você a 12 metros de distância

Recomendados